Últimas

,

O que é Bonito pra você?  Esta pergunta moveu inicialmente a criação do projeto que compreende a estreia de um espetáculo de dança-teatro e o lançamento de um livro. Em cena, seis criadores reelaboram a imagem grotesca e assustadora dos monstros de infância e dão voz e movimento a novos monstros que são em si a força intima de cada um. O que em mim assusta e incomoda, mas é ao mesmo tempo minha potência? Adotando, então, essa premissa, de que nossos monstros são nossas potências, o espetáculo parte das memórias de criança dos intérpretes, suas brincadeiras e modos de se relacionar. A ideia é possibilitar outros olhares menos dicotômicos acerca da infância e os vestígios que ela deixa nos adultos.
Com sua estreia marcada para dia 05 de outubro, às 16 horas, no Teatro Gregório de Matos, Bonito não é um espetáculo que busca contar uma história única e linear, e sim entrelaçar diferentes imagens que contam histórias diversas, a depender de como o espectador deseje inventar. O projeto nasceu da parceria entre dois dançarinos, Edu O. e Lucas Valentim (ambos professores da Escola de Dança da UFBA) que assinam também a escrita do livro. O espetáculo tem direção e dramaturgia assinadas por Paula Lice,  doutora e pesquisadora em Artes Cênica com ênfase em temáticas tabus nos espetáculos infantis.

Bonito vai envolver adultos e crianças! O processo criativo teve início no contato com as crianças do IBCM e Instituto de Cegos da Bahia. Através desse contato, os interpretes criadores puderam acessar a visão de monstro e beleza daquelas crianças, bem como gatilhos e dispositivos de relação, do brincar/viver infantil. Mas do que representar crianças, os interpretes criadores dialogam com as crianças que foram. Colocar as crianças desses adultos para brincar nesse imenso e bonito terreiro expande a conexão com o público e mobiliza memórias tanto em quem atua, quanto em quem vê.   Cada monstro do elenco foi elaborado através da ponte entre a infância e a vida adulta, nessa imensa celebração do crescer, tema recorrente no trabalho para a infância de Paula Lice.  

Além do espetáculo, também será produzido um livro infantil acompanhado de áudio book. Um dos principais pontos do projeto consiste na promoção de acessibilidade, através da áudio descrição, LIBRAS e braile, que devem ser inseridas em todas as ações artísticas do projeto e no processo de divulgação, a fim de atender ao público com deficiência de maneira irrestrita. O Projeto foi contemplado pelo edital Setorial de Dança 2016 do Fundo de Cultura do Estado da Bahia.

SERVIÇO

Espetáculo Bonito
Teatro Gregório de Matos

Estreia / Pré-temporada voltada para instituições de educação e acessibilidade
Quinta-feira, 05 de outubro, 16h (com audiodescrição)
Sexta-feira, 06 de outubro, 10h e 16h (ambas com libras e audiodescrição)

Temporada aberta ao público geral
Sábado, 07 de outubro, 16h (com audiodescrição)
Domingo, 08 de outubro,11h e 16h (com audiodescrição)
Quinta-feira (Dia das Crianças), 12 de outubro, 11h e 16h
Sexta-feira, 13 de outubro, 16h
Sábado, 14 de outubro, 16h (com audiodescrição)
Domingo, 15 de outubro, 11h e 16h (com audiodescrição)

Os ingressos serão vendidos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).
Instituições que trabalham com acessibilidade e inclusão podem entrar em contato com a produção para fecharem convites para grupos. Telefone de contato: 71 99319-2193 (Júnior Oliveira).
*Crianças menores de 3 anos, não pagam entrada.

Ficha Técnica
Concepção e idealização do Projeto: Edu O. e Lucas Valentim
Direção e dramaturgia: Paula Lice
Interpretes Criadores: Edu O., Lia Lordelo, Lucas Valentim, Lulu Pugliese, Olga Lamas e William Gomes
Assistentes criativos de ideias impressionantes: Cora, Bia e Rudá
Produção: Gameleira Artes Integradas
Coordenação de Produção: Raiça Bonfim
Produção executiva: Júnior Oliveira
Direção de Artes: Mayra Lins
Iluminação: Moisés Victório
Direção Musical e trilha sonora: Neila Kadhi
Design Gráfico: William Gomes
Fotografia: Aldren Lincoln
Vídeo: Daniel Guerra
Assessoria de imprensa: Tatyanna Hayne
,

A Natura lançou em evento da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, um novo instrumento de relacionamento e inovação a serviço das consultoras: o aplicativo BexCo. A criação da ferramenta, que tem como objetivo impulsionar uma comunidade global de troca de informação sobre a venda direta no mundo, faz parte do Breakthrough Innovation Challenge (BIC), uma iniciativa do Pacto Global da ONU para o desenvolvimento sustentável do planeta.
O objetivo do BIC é reunir jovens empreendedores de grandes multinacionais para discutir e criar novas ideias e modelos de negócio que possam contribuir para o atingimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs) da ONU até 2030, por meio de estratégias e processos próprios das empresas.  
Além da participação no Pacto Global da ONU, a Natura também celebra a revitalização da venda por relações com o Dia da Consultora de Beleza, que será comemorado em 22 de setembro e procura reconhecer a dedicação e a importância da atividade para a Natura. A data marca o início da primavera, um período de renovação. Como parte das comemorações, a empresa organiza debate no dia 26 de setembro, na Casa Natura Musical, em São Paulo, sobre empreendedorismo feminino, com participação de Luiza Trajano, fundadora do Magazine Luiza.
O lançamento do aplicativo BexCo complementa essa discussão, ao mostrar como a tecnologia e a inovação podem transformar a venda direta, a partir da crença da Natura no poder das relações e do empreendedorismo para conectar as pessoas. Mais de 90% das Consultoras de Beleza da Natura são mulheres e, com a revitalização da venda por relações, a empresa busca promover impacto positivo, com geração de renda e empoderamento para milhares de pessoas.
A Natura também vê sua participação no Breakthrough Innovation Challenge como uma oportunidade de se engajar em um importante movimento global da ONU, ao mesmo tempo em que gera valor para o negócio, aprimorando os serviços que oferece para suas consultoras e clientes. Na Natura, participaram da iniciativa Eduardo Eiger, gerente geral da operação no Peru, e Luciano Abrantes, diretor de Inovação Digital da empresa.
 "O BexCo é uma plataforma disruptiva, que combina inteligência artificial, big data e estratégia de games para facilitar as vendas das consultoras e melhorar o atendimento aos clientes, além de contribuir com os desafios de desenvolvimento sustentável da ONU, principalmente com a redução de desigualdades", afirma Luciano Abrantes, diretor de Inovação Digital da Natura. "A plataforma busca engajar as pessoas em uma experiência transformadora, com conexões que permitem aumentar a renda e a confiança dessa rede", complementa.
Lançado como um piloto no México e no Brasil, o BexCo nasce com potencial de integrar 1,8 milhão de consultoras da Natura à uma rede de mais de 100 milhões de pessoas que trabalham com venda direta no mundo, em uma comunidade global de relacionamento, com características semelhantes às das redes sociais. Na plataforma, as consultoras poderão trocar produtos entre elas, atendendo melhor os clientes que demandam itens em pronta entrega; reduzir o desperdício de produto e a perda de estoque; potencializar o trabalho de consultoria, com aumento da capacitação e incentivo ao perfil empreendedor. A ferramenta ainda aumenta a liberdade de atuação das consultoras, já que participantes de diversas redes poderão atuar de forma colaborativa.
, , , ,
A turnê ‘XuChá – O Chá da Xuxa’ virá a Salvador, depois de apresentações com ingressos esgotados em outras cidades do Brasil. A eterna Rainha dos Baixinhos sobe ao palco da Arena Fonte Nova para única apresentação, numa noite cheia de emoção, na véspera de feriado, dia 11 de outubro, a partir das 21h. Ela vem com sua nave, que faz parte do cenário, e muita troca de figurinos em um show para seu público adulto, que foi baixinho nos tempos dos saudosos programas ‘Xou da Xuxa’, ‘Xuxa Park’ e ‘Planeta Xuxa’.

Os ingressos, já no 2º lote, estão à venda nos balcões Pida, Line, Central do Carnaval e Ticketmix dos principais shoppings da cidade, na loja Pequena Notável, do Salvador Shopping e também no site www.bit.ly/ingressoXuChaSSA. O primeiro lote acabou em poucas semanas, a tendência é que os ingressos esgotem antes da data do show, assim como em outras cidades.


(Foto: Divulgação/ Xuxa Produções)
Versão da famosa festa carioca ‘Chá da Alice’ – que neste ano teve um bloco no Carnaval de Salvador puxado pela cantora Alinne Rosa, o ‘Chá da Xuxa’ tem o mesmo clima da ‘Festa Ploc’ e chega a capital baiana trazido pela produtora Pequena Notável, que convida os adultos que cresceram tendo Xuxa como ídolo para uma viagem por sua carreira com paquitas e paquitos, efeitos especiais e uma seleção musical emocionante.
“Estou muito feliz em juntar as três gerações que cresceram comigo ao longo desses 30 anos e fazer uma festa onde eu possa sentir essa energia de novo. É um misto de alegria, ansiedade e vontade que todo mundo fique feliz com o resultado”, conta a artista Xuxa Meneghel, no ar na TV com o reality Dancing Brasil, exibido nas noites de segunda, na Record.
‘Ilariê’, ‘Lua de Cristal’, ‘Libera Geral’ e ‘Arco-íris’, são alguns dos hits da trilha sonora que promete sacudir o público de Salvador. Além disso, o evento conta com a presença da renomada DJ Giordanna Forte, residente da festa ‘Chá da Alice’, que se apresentará antes e depois da Rainha, fazendo da Fonte Nova uma grande balada para o público adulto.
A direção do show fica por conta de Pablo Falcão, o mesmo diretor dos sucessos ‘Show das Poderosas’, de Anitta, e ‘Poder da Preta’, de Preta Gil. “Preparamos tudo com muito carinho. A Xuxa é preocupada com os pequenos detalhes. Ela opina desde o repertório até a pedrinha que será colocada no figurino, tudo para que o show seja excepcional”, finaliza o idealizador.
Serviço:
Data: 11 de outubro de 2017, quarta-feira, véspera de feriado.
Abertura dos portões: 21h  | Duração aproximada da festa: 6h
Local: Arena Fonte Nova | Atrações: Xuxa e DJ Giordanna Forte
Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 18 anos.
Ingressos: Entre R$ 70 e R$ 145 (valores de meia-entrada, sujeito taxa de conveniência).
Formas de pagamento nos pontos físicos: Dinheiro, Cartão de Crédito e Cartão de Débito.