Últimas

Fórum discute critérios para utilização de medicamentos no Brasil


Neste domingo (14), teve início em Salvador o II Fórum Brasileiro sobre Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia, evento realizado pela Associação de Medicina e Saúde (ACPgMS) em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB). O Fórum vai até o dia 17 de setembro de 2014.

Dra. Mireille M. Goetghebeur, professora adjunta do Departamento de Administração da Saúde da Universidade de Montreal, Canadá, ministrou um curso sobre a análise de decisão multicritério (MCDA em inglês). A ideia é difundir o conhecimento sobre a gestão e utilização de medicamentos sobre pontos de vistas distintos (pacientes, médicos, indústrias farmacêuticas, governo e órgãos regulatórios). “Explicamos para os participantes que existem métodos eficazes para uma boa tomada de decisão, seja em qual esfera você atue. O importante é a coerência no critério e como será feita a gestão do medicamento. Tomamos decisões em todos os momentos de nossa vida, mas na questão da intervenção em saúde, a responsabilidade é bem maior e tudo tem que ser levado em consideração – os valores sociais, a transparência nas ações, processo participativo, os impactos à natureza e à economia. É um mix de questões que procuro esclarecer e despertar em minhas palestras”, explica Mireille.

Hoje (15) serão debatidos os seguintes temas:

A gestão e o uso racional de medicamentos no Sistema Único de Saúde (SUS);

A importância da qualidade dos medicamentos dos protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas;

Protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas na área de oncologia – o debate da evidência científica e o impacto econômico de novas tecnologias;

Protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas em doenças raras.

“O encontro permite a atualização de profissionais de diversos segmentos para o uso racional dos medicamentos. Os participantes têm acesso ao cenário atual do Brasil para obtenção dos remédios existentes e a proposta é qualificar a gestão das políticas de saúde, mais especificamente da Política de Assistência Farmacêutica no Brasil”, explica o Dr. Lindemberg Costa, presidente do II Fórum Sobre Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia.

O Fórum conta com o apoio da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), da UFBA e do Ministério da Saúde, através do Departamento de Assistência Farmacêutica (DAF) e da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (CONITEC), bem como de outras reconhecidas entidades nacionais como a Agência Nacional da Saúde (ANS) e do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONAE), além de empresas do setor farmacêutico.

Destaques da programação científica

Terça-feira (16):

EVIDÊNCIA CLÍNICA E ASPECTOS FARMACOECONOMICOS NA ESCLEROSE MÚLTIPLA;

INCORPORAÇÃO DE TECNOLOGIA CENTRADA NO PACIENTE;

DIABETES MELITUS: EVIDÊNCIA CLÍNICA E AVALIAÇÃO FARMACOECONÔMICA DOS ANALAGOS DE INSULINAS;

FARMACOECONOMIA: FERRAMENTA PARA TOMADA DE DECISÃO NO TRATAMENTO DE CARCINOMA DE PELE BASOCELULAR (CÂNCER DE PELE);

O IMPACTO DAS SÍNDROMES CORONARIANAS AGUDAS NO SISTEMA DE SAÚDE;

Quarta-feira (17)

AS EXPERIÊNCIAS DE ELABORAÇÃO DOS PROTOCOLOS CLÍNICOS E DIRETRIZES TERAPÊUTICAS NO SUS;

HEPATITE C E OS NOVOS INIBIDORES DE PROTEASE :
DESAFIOS NA IMPLANTAÇÃO DO PROTOCOLO CLÍNICO;

DESAFIOS NA IMPLANTAÇÃO DO PROTOCOLO CLÍNICO DA ARTRITE REUMATÓIDE – ACESSO E USO RACIONAL DOS NOVOS BIOLÓGICOS;

DIREITO SANITÁRIO: A INTERFACE ENTRE O JUDICIÁRIO E SAÚDE NA UTILIZAÇÃO DOS PROTOCOLOS CLÍNICOS E DIRETRIZES TERAPÊUTICAS (PCDT).

Serviço:
II Fórum Sobre Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia
De 14 a 17 de setembro no Bahia Othon Palace Hotel
Mais informações no site: www.assistenciafarmaceutica.com.br

FOTOS: JUARÉZ NEVES

Comentários