Últimas

Capitão Cafú e chefe de cabine Claudia Leitte pilotam voo #ÉdoBrasil de Guaraná Antarctica


Cafú, dono da braçadeira do Penta, e Cláudia Leitte, embarcaram juntos em um voo tipicamente brasileiro, nesta quarta-feira, 4 de junho. O ex-jogador virou o capitão do voo, enquanto a cantora dava as boas-vindas para os tripulantes como chefe da cabine de comando. Guaraná Antarctica, patrocinador oficial da Seleção Brasileira, vestiu o avião de verde e amarelo e o tradicional serviço de bordo foi substituído por comidas tipicamente brasileiras, harmonizadas com o refrigerante.
 E não foi só o avião que ganhou uma nova roupagem. A marca também vestiu 23 latas colecionáveis com a camisa da Seleção Brasileira, que poderão ser encontradas nos principais pontos de venda do país este mês. Estilizadas nas cores do Brasil, cada lata terá o número de um dos jogadores e os números 10 e 20, vem com o autografo de Neymar e Bernard, respectivamente. Contrastando com as latas “canarinho”, os números 1,12 e 23 serão predominantemente verdes em alusão as camisas de goleiro. 
 “Guaraná Antarctica é uma marca genuinamente brasileira e essa ação reforça nosso compromisso de valorizar nosso povo e nossa cultura. Vestimos o avião e as latas com a camisa da Seleção Brasileira para prestar uma homenagem à família Scolari. Estamos na torcida pela conquista do hexa”, afirma Thiago Zanettini, diretor de marketing de Guaraná 
Antarctica.


 A ação “Guaraná no ar”, idealizada pela agência Espalhe, levou cerca de 200 pessoas de São Paulo para Brasília, com um detalhe: os passageiros que compraram a ponte aérea não sabiam da surpresa. Em parceria com a Gol, a marca ativará ainda 475 voos e cerca de 60 mil pessoas entre os meses de junho e julho, com cardápio brasileiro e, claro, muito Guaraná Antarctica. “O objetivo é estar com todos os brasileiros nesse momento de celebração e mostrar para os turistas o que só nós temos: Guaraná Antarctica”, explica Zanettini.

Comentários