Últimas

Juliana Ribeiro une passado e presente nos seus ensaios de verão


Será no dia 11 de janeiro a estréia do projeto “Amarelo-Verão 2014” da cantora e compositora Juliana Ribeiro. Este ano, a artista leva seu evento multiartístico para a Praça Pedro Archanjo, no Pelourinho, em três sábados – 11 e 25/1 e 8/2 - onde irá receber diferentes artistas e bandas para reverenciar os ritmos que formam o tripé da musicalidade negra: hip hop, reggae e samba. Também haverá atrações de teatro, dança, fotografia e vídeo. O conceito proposto pela cantora será incrementado pela direção artística de Diogo Lopes Filho.

Para a noite de estréia, um convidado já confirmado é também um dos grandes aniversariantes do ano de 2014, o Ilê Aiyê. Representado pela sua banda, o bloco irá receber os parabéns de Juliana Ribeiro pelo seu aniversário de 40 anos e grande representatividade na ascensão da cultura negra. Para homenagear o mais belo dos belos, a artista inclui no seu repertório canções que marcam a história do Ilê, como “Que Bloco é esse?” e “Negrume da Noite”. Abrem o show, no dia 11, a Campelo Cia de Dança, Dj Branco e projeções de vídeo clipes de músicos da cena independente.

A anfitriã explica que a proposta desta temporada de “Amarelo-Verão” é trazer a comunidade para o palco através das suas expressões culturais cotidianas, indo das mais tradicionais às contemporâneas. “É como um retrato artístico deste dia-a-dia, onde o hip-hop dialoga tranquilamente numa mesma festa ou numa mesma casa com o samba e vice-versa. Para isso, a percussão será mais explorada com timbragens cruas, sons de couro, associadas a elementos eletrônicos como o sampler. A ideia é retratar a tradição na modernidade através do encontro de ritmos e fusão de instrumentos e recursos tecnológicos”.

O repertório das noites representa este novo conceito não só pelos convidados, mas também na própria linguagem musical e estética. Juliana Ribeiro sobe ao palco com sonoridades diversas, mesclando sucessos do primeiro CD Amarelo com músicas de compositores como Bob Marley e baianos que fazem a história da música da Bahia dentro e fora dela, como Lazzo Matumbi, Carlinhos Brown, Tiganá Santana, Gerônimo, Roberto Mendes, Nelson Rufino e Riachão. O centenário de Dorival Caymmi inspira um momento marcante do show, em que a intérprete e compositora canta “Mãe Menininha do Gantois”.

O público também irá ouvir Juliana cantar “Batuque na Cozinha” (João da Baiana), “Isto é bom” (Xisto Bahia), "Todo Menino é um Rei" (Rufino), “Lemba” (Ciros da Matta-Angola), entre outras canções que são resultado da vasta pesquisa que a artista se dedica desde o início da sua carreira e que desnuda as matrizes do samba, interpretando ritmos como o jongo, o semba, o batuque, a Música Popular Brasileira (MPB), o lundu, o ijexá e o maxixe.

Também são presenças já confirmadas no projeto “Amarelo-Verão 2014”, a cantora Márcia Short, a banda Diamba, o músico, cantor e compositor Fael Primeiro - um dos precursores da "cultura sound system -, e a comédia teatral “As Feministas de Muzenza”, que irá abrir uma das noites comandadas por Juliana Ribeiro.

Em todos os shows da temporada, o telão ao fundo do palco irá trazer uma projeção de fotografias que têm autoria e curadoria da doutora e antropóloga baiana Gal Meirelles. São registros de manifestações culturais em diferentes cidades da Bahia, que resultaram de pesquisas ao longo da sua carreira. As imagens mostram o mar, festas populares, redes de trabalho de pesca artesanal, tradições gastronômicas e reflexões sobre o sertão.

Já o diretor artístico do espetáculo, Diogo Lopes Filho, promete fazer intervenções com diferentes linguagens na busca por realçar o elo que o projeto “Amarelo-Verão” propõe entre o tradicional e contemporâneo, fazendo a tecnologia dialogar com a ancestralidade presente na música de Juliana Ribeiro.

A artista se apresenta acompanhada da sua banda, que tem Duarte Velloso na direção musical e violões, Ricardo Hardmann na direção de percussão, André Tiganá no baixo, Kiko Souza na flauta e saxofone, Julio Caldas na viola, cavaco e guitarra, e Léo Jesus na percussão e efeitos com sampler.

|Serviço |
Temporada 2014 de Juliana Ribeiro - Projeto Amarelo-Verão
Quando:  Sábados (11/1, 25/1 e 8/2)
Horário: 20h
Onde: Praça Pedro Archanjo
Quanto: : R$ 20 e R$ 10.

Comentários