Últimas

Culturas de tradição são debatidas na Flica


O Estaleiro Enseada do Paraguaçu (EEP) realiza neste sábado, 26/10, às 16h, uma mesa de debates sobre “Conceituação sobre culturas de tradição e suas indicações de salvaguarda”. O evento acontecerá durante a Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), no auditório da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), com a participação de Lúcia Queiroz, Fábio Velame, Vilson Caetano e Walter Fraga e mediação de Rosildo do Rosário, todos professores da universidade. Os debatedores desenvolveram trabalhos que conceituam culturas de tradição presentes no Recôncavo Baiano e exemplificarão como é possível salvaguardar essas culturas durante o debate.

Perfis debatedores:
Lúcia Maria Aquino de Queiroz – graduada em Ciências Econômicas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), pós-graduada em Economia (UFBA), mestre em Administração (UFBA) e Doutora em Planificação Territorial e Desenvolvimento Regional pela Universidade de Barcelona, 2005. Consultora ad hoc e avaliadora do Ministério da Educação (desde 2007); membro da Câmara de Ciências Sociais da Fundação Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Fapesb (desde 2009). Consultora independente, com atuação e publicações (livros e artigos) nas áreas de turismo, economia, cultura, educação, desenvolvimento socioeconômico, desenvolvimento regional, desenvolvimento urbano, planejamento e gestão de espaços urbanos. Professora Adjunta da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e coordenadora do Grupo de Pesquisa e Extensão Políticas Sociais de Desenvolvimento Regional da UFRB (desde 2008).

Fábio Velame – Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade de Arquitetura da UFBA (2003), mestrado em Arquitetura e Urbanismo pelo PPGAU-UFBA na área de concentração em Urbanismo (2007), e doutorado em Arquitetura e Urbanismo pelo PPGAU-UFBA na área de Concentração em Conservação e Restauro (2012). Atualmente é professor Adjunto I, Regime de Dedicação Exclusiva (D.E.) do Departamento I da FAUFBA e Superintendente de Meio Ambiente e Infra-Estrutura da UFBA - SUMAI/UFBA. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Arquiteturas de Povos e Comunidades Tradicionais: Africanas; Afro-brasileiras - Habitação Escrava, Remanescentes de Quilombos, Terreiros de Candomblé, Afoxés, Blocos Afro, Maracatus, Congadas, Marujadas; Aldeias Indigenas; Comunidades de Fundos e Fechos de Pasto; Povos Ciganos; Ribeirinhos; Comunidades Extrativistas; Colônias de Pescadores e Marisqueiros; e, Gerazeiros.

Vilson Caetano - Possui doutorado em Ciências Sociais pela PUC-SP (2001). É pós doutor pela Universidade Júlio Mesquita- UNESP. Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal da Bahia na Escola de Nutrição onde leciona disciplinas relacionadas à Alimentação e Cultura e desenvolve pesquisas no Núcleo de Estudos em Alimentação e Cultura (NEPAC). Atua também como pesquisador do Grupo Memória, Identidade e Religião na PUC-SP e no Centro Atabaque de Cultura Negra e Teologia. Criador do Núcleo de Referencia e Estudos Afro-Brasileiros (NUREAB), desenvolve pesquisas na área de antropologia das populações afro-brasileiras. Membro Permanente da Comissão de Avaliação e Acompanhamento da Lei 10.639, participa do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior. Criador do Troféu Zeferina no ano de 2006, vem realizando trabalhos junto ao Ministério da Cultura através da Fundação Cultural Palmares. Membro do Conselho de Cultura do Estado da Bahia.

Walter Fraga Filho - Formado em História (1988) e mestre em História Social pela Universidade Federal da Bahia (1994). Doutor em História Social pela Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP (2004). Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia -- UFRB. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Império, atuando principalmente nos seguintes temas: Bahia, pobreza, escravidão, abolição e pós-abolição. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2.

Sobre o EEP - O Estaleiro Enseada do Paraguaçu (EEP), formado pelas empresas Odebrecht, OAS, UTC e a KHI (Kawasaki Heavy Industries Ltd.), é voltado para construção e integração de unidades offshore, como plataformas, navios especializados e unidades de perfuração. Sua matriz está localizada no município de Maragojipe (BA), cujas obras deverão ser finalizadas em 2014. O EEP também atua no Estaleiro Inhaúma (RJ), que foi arrendado pela Petrobras em razão do contrato para conversão dos cascos de quatro navios tipo VLCC nas plataformas P-74, P-75, P-76 e P-77. Com 1,6 milhão de metros quadrados de área em Maragojipe, dos quais 400 mil são destinados à preservação ambiental, o EEP já é considerado um dos maiores estaleiros do país. Os investimentos no EEP são da ordem de R$ 2,6 bilhões, e sua carteira de contratos inclui a Sete Brasil. Quando estiver operando a plena capacidade, poderá processar até 36 mil toneladas de aço por ano trabalhando em regime de turno único, o que permite uma ampla margem de produção, construindo navios de altíssima especialização, que poderão ser fabricados simultaneamente.
A Flica – Esta é a terceira edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica). A programação será gratuita e terá shows musicais, praça de alimentação e pela primeira vez uma programação voltada para o público infantil. O evento tem coordenação geral e realização da Icontent/Rede Bahia e de Marcus Ferreira, da CALI - Cachoeira Literária. O Vice-Presidente do Conselho de Cultura da Bahia, Aurélio Schommer, e o escritor Emmanuel Mirdad, da Mirdad Gestão em Cultura, são os curadores.
A Flica tem Patrocínio da Oi e Coelba, através do Fazcultura, uma parceria entre a Secretaria da Fazenda e Secretaria da Cultura, do Governo do Estado da Bahia, Terra de Todos Nós.
O vento também já tem confirmado nomes como os internacionais Kierras Kass, Sylvia Day, e Jean Claude, e nacionais como Laurentino Gomes, autor do best-seller “1808 - Como uma rainha louca, um príncipe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão e mudaram a História de Portugal e do Brasil”.
SERVIÇO

Festa Literária Internacional de Cachoeira – Flica 2013

Local: Conjunto do Carmo – Cachoeira

Data: 23 a 27 de outubro (quarta a domingo)

Realização: Cali - Cachoeira Literária! e Icontent/Rede Bahia

EVENTO GRATUITO

Comentários