Últimas

Filho da cantora Cher fala sobre sua mudança de sexo em documentário




O documentário “Chaz Bono: mudança de sexo”, que conta a história de Chaz Salvatore Bono, será exibido nesta quarta-feira (20), às 21h, no Discovery Channel. Chaz, hoje com 43 anos, diz que não tem qualquer lembrança da infância. Naquela época, o filho da cantora Cher ainda era Chastity Sun Bono, uma menina que se sentia extremamente desconfortável em seu corpo feminino.

A história começou quando a moça se revelou gay, mas depois decidiu passar pelo que costuma chamar de transição: em 2008, começou a fazer tratamento para mudar de sexo. Em 2010, finalmente, ganhou um novo nome, masculino. E é este processo de transformação que mostra o documentário.

“Não me lembro de ser uma garotinha. Enquanto eu crescia, tudo era muito confuso, porque não sabia nada sobre o que era ser transgênero, ou que essa era uma questão que realmente existia, ou que eu poderia fazer alguma coisa a respeito”, conta Chaz à Revista da TV, e completa: “Sinto que se houvesse alguém naquela época que tivesse se assumido em público como transgênero, isso teria me poupado décadas de problemas. Quando decidi passar pela transição, tive medo de ser rejeitado”.



Chaz fala também sobra a pequena participação de sua mãe no documentário. “Minha mãe participou do documentário até onde se sentiu confortável. Acho que você pode imaginar a dificuldade que isto tudo trouxe a ela. Mas este não é um filme sobre ela, nem a história de uma mãe e seu filho. É a minha história”, explica ele.



Quando perguntado sobre a aceitação de Cher, ele desconversa e afirma que deve ter sido complicado para a mãe. “Não é uma coisa que eu me sinta bem em comentar. Não sei como é ser um pai ou uma mãe e ter um filho transgênero”, disse.

Comentários