Últimas

Comunidade gay soteropolitana celebrou Réveillon em alto estilo na Barra


A comunidade de lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros (LGBT) de Salvador celebrou  a chegada do ano com a batida do Cortejo Afro e com muita música eletrônica na primeira edição do Réveillon de Todos Os Santos realizado pela boate gay  San Sebastian que montou sua primeira grande festa de ano novo.
Uma multidão de baianos e turistas lotou o espaço, montado no local onde funciona no Carnaval o camarote de Daniela Mercury, para brindar o novo ano. O clube mais uma vez mostrou sua força para grandes festas e provou sua credibilidade com o público da cidade conquistando cada vez mais o seu espaço na noite de Salvador.
Os ingressos que custavam R$ 80,00 dobraram de preço, enquanto a fila na bilheteria continuava crescendo até mesmo 1 hora depois dos acordes do ano novo. Aqueles que escolheram o camarote vip tiveram comida e bebida a vontade. Muita paquera rolou na pista comandada pelo brasileiro Fábio Campos (Belo Horizonte) e pelo DJ internacional Fede Suarez (Espanha) que não deixaram a multidão parar durante toda madrugada.
Para Rafael Veloso, um dos participantes da festa de virada de ano da San Sebastian, a celebração foi maravilhosa e muito bem organizada. “A única coisa que realmente incomodou foi o calor, imagino que tenha sido em função da lotação”, disse Rafael.
Outro que também gostou da festa foi Lucas Reis, que confessou que não estava querendo sair e que resolveu ir com os amigos. “Eu iria morrer se não estivesse aqui, pois já curti e beijei muito. A festa está bem organizada, além de ter segurança e estar com meus amigos. Isso é Mara!”.
O empresário Roberio Sampaio aproveitou a festa ao lado do amigo e empresário da San Sebastian Valdeck Júnior.

Comentários