Últimas

Programação de Natal com a poesia da cultura popular segue no Pelô


O Natal se aproxima e os festejos no Centro Histórico de Salvador, que tiveram início oficialmente no último dia 10, este ano buscam fortalecer a cultura popular e a sua diversidade. A programação do projeto “Festas da Diversidade no Pelô", promovido pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, por meio do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI), segue HOJE (13) com o Terno da Anunciação, do bairro da Lapinha, e AMANHÃ (14) com o Terno da Ciganinha, grupo do bairro de Coutos que tem 40 participantes e 12 músicos que executarão temas relacionados ao nascimento de Jesus. O palco será as ruas do Pelourinho, que a partir das 19h ganharão o colorido todo especial da cultura popular em comemoração ao Natal.
A coordenadora do grupo, Marinalva dos Santos, diz que se encantou com o projeto este ano. “Sinto uma alegria imensa em participar de um projeto que nos dá visibilidade e é nossa identidade. É importante que possamos misturar as culturas. O Natal é uma festa nacional, e este ano imprimimos a nossa marca”, assegura. O Recôncavo Baiano também estará presente neste Natal no Centro Histórico.  A Camerata Popular do Recôncavo apresentará, no Largo do Pelourinho, o espetáculo “Recantos de cada Canto”. O grupo levará ao sítio histórico divertimentos que antes eram vistos somente dentro dos templos. “As pessoas do interior, antigamente, na época do Natal, eram verdadeiros brincantes. Esperando a Missa do Galo, na noite de Natal, realizavam festas como o Bumba-meu-boi, Cheganças, Marujadas, Pastoris, Reisadas”, explica o historiador Elias Figueiredo. Hoje, a festa, que até o século XVII era realizada dentro das igrejas, toma as ruas e pode ser vista em palcos armados na frente dos templos. A Camerata Popular do Reconcâvo, que traduzirá a fé e alegria do povo, será apresentada às 20h.
O dia contará ainda com o Balé Jovem de Salvador, que mostrará o espetáculo “Areia”. A proposta é promover um encontro da dança contemporânea com a poesia do litoral baiano. A apresentação também será realizada AMANHÃ (14), às 20h30, no Cruzeiro de São Francisco. O grupo conta com 14 bailarinos no elenco e direção e concepção coreográfica de Matias Santiago. E no mesmo dia, o Natal da Comunidade Shalom com a apresentação de “O Natal da Biculez”, no Terreiro de Jesus, às 19h, e o espetáculo Entradas e Bandeiras, A Rua é Nossa Aldeia, nas ruas do Pelô, também às 19h.
Ao longo da programação, que segue até o dia 7 de janeiro com festejos e missas e iluminação cênica, poderão ser vistos pelo público um total de 15 ternos, sete corais, quatro cameratas, nove espetáculos de dança, 20 espetáculos teatrais incluindo Autos e Arautos de Natal, oito bandas e bandões e quatro orquestras.

Comentários